Picape da Volkswagen traz alterações estéticas e mudanças de equipamentos

Com preços sugeridos de R$ 130.590,00 a R$ 210.280,00, a linha 2020 da picape da Volkswagen, Amarok, chega com novidades, entre alterações estéticas e mudanças de equipamentos. A versão topo de linha, Amarok V6 Extreme, passou por modificações na dianteira e conta com um novo defletor, pintado na cor da carroceria. A Amarok V6 Highline traz agora de série novas rodas “Rawson” de liga leve com 18 polegadas. Opcionalmente, a Highline também pode vir equipada com rodas “Milford” de liga leve, com 19 polegadas – opção disponível também para a versão Highline 2.0 biturbo.

Item de série nas versões Comfortline, Highline, V6 Highline e V6 Extreme, o pacote do protetor da caçamba passa a incorporar agora o protetor antifurto do estepe, com cinco níveis de proteção. O protetor conta com chave segredo exclusiva e inviolável, tubo de aço de proteção para o cabo de aço para movimentação do pneu sobressalente, placa de proteção inferior para o suporte de fixação e maior resistência mecânica e à corrosão, para uma durabilidade ainda maior. O pacote do protetor de caçamba com protetor antifurto do estepe também é oferecido, como opção, para a Amarok SE. Um novo pacote opcional para todas as versões Comfortline e Highline reúne a capota marítima para a caçamba e os estribos laterais. Para a versão Extreme, que já inclui os estribos de série, a capota marítima é oferecida individualmente como opcional.

A linha Amarok 2020 é oferecida em seis versões, que vão da V6 Extreme à Amarok S, voltada para uso no trabalho. No topo da gama, a Amarok V6 Extreme e a V6 Highline contam com o motor 3.0 V6 de 225 cv e torque de 550 Nm – o mais potente do segmento, associado ao câmbio automático de oito marchas. As versões Comfortline e Highline automáticas (também com oito velocidades) contam com o eficiente motor quatro cilindros biturbo de 180 cv e 420 Nm de torque, que também equipa a SE, que tem câmbio manual de seis marchas. A versão S utiliza o motor turbodiesel de 140 cv e tem câmbio manual.

A Amarok V6 Extreme se destaca visualmente tanto pelo exterior como pelo interior. O modelo topo de linha conta com rodas “Talca” de liga leve com 20 polegadas de diâmetro, estribos laterais de série e santantônio esportivo. Na cabine, os bancos são revestidos em couro Nappa, os pedais têm capas esportivas cromadas e os tapetes são exclusivos. O sistema de informação e entretenimento inclui espelhamento de smartphone e tela de 6,33 polegadas. O volante multifuncional, com regulagem de altura e distância, inclui comandos para o sistema de infotainment e dá acesso às funções do computador de bordo da picape. Também traz as aletas (shift paddles) para mudanças de marcha.

Todas as versões da Amarok trazem de série o engate removível para reboque, o qual incorpora o sistema de estabilização para reboque TSA (Trailer Stabilization Assist System). Com o engate original de fábrica, o sistema de estabilização do reboque passa a atuar conjuntamente com o controle eletrônico de estabilidade (ESC). De acordo com a fábrica, se o reboque ou trailer começar a oscilar ou pendular com maior intensidade, o sistema reduz o torque do motor e freia as rodas da picape e do reboque – até a estabilização completa desse último, permitindo uma condução segura da Amarok. Equipada com o engate o removível, a Amarok V6 Highline pode tracionar carretas ou trailers, com freio próprio, de até 2.710 kg.

Versões e preços

Amarok S turbo cabine simples manual 4×4 – R$ 130.590,00
Amarok SE biturbo cabine dupla automática manual 4×4 – R$ 156.290,00
Amarok Comfortline biturbo automática 4×4 – R$ 177.980,00
Amarok Highline biturbo automática 4×4 – R$ 193.380,00
Amarok V6 Highline automática 4×4 – R$ 199.280,00
Amarok V6 Extreme automática 4×4 – R$ 210.280,00

Fonte: Volkswagen do Brasil / Imprensa
Fotos: Divulgação